by

Quanto Contribuir à Previdência Social, em 2018, pelo Mínimo.

Quanto Contribuir à Previdência Social, em 2018, pelo Mínimo.

Neste artigo o Consultor em Previdência vai demonstrar os valores da contribuição previdenciária, para o ano 2018, considerando que o valor do novo salário-mínimo foi estabelecido em R$ 954,00.

Quem faz contribuição previdenciária pelo valor mínimo, principalmente aqueles que contribuem no plano simplificado e no plano família de baixa renda, já pode ter uma ideia de quanto pagará no ano 2018, pois o valor do salário-mínimo foi fixado em R$ 954,00. As contribuições previdenciárias a partir da competência 01/2018, que deve ser recolhida até 15.02.2018, serão as seguintes:

1 – Quem contribui pelo plano normal de contribuição previdenciária, que pode recolher entre o mínimo e o teto, que será fixado futuramente, deve recolher:

a) código 1007 – contribuinte individual – R$ 190,80, que equivale a 20% do salário-mínimo, R$ 954,00.

b) código 1406 – contribuinte facultativo – R$ 190,80, que equivale a 20% do salário-mínimo, R$ 954,00.


2 – Quem recolhe pelo plano simplificado de contribuição previdenciária, que contribui com alíquota de 11% do valor do salário-mínimo, deve preencher a guia com o seguinte valor:

a) código 1163 – contribuinte individual – R$ 104,94, que equivale a 11% do salário-mínimo, R$ 954,00.

b) código 1473 – contribuinte facultativo – R$ 104,94, que equivale a 11% do salário-mínimo, R$ 954,00.

3 – Quem recolhe pelo plano família de baixa renda, mais conhecido como plano das donas de casa, que contribui com alíquota de 5% do valor do salário-mínimo, deve preencher a guia com o seguinte valor:

a) código 1929 – contribuinte facultativo – R$ 47,70, que equivale a 5% do salário-mínimo, R$ 954,00.

Para preencher a guia basta acessar o site da Previdência Social e preencher os dados requeridos. Quem tem conta bancária pode programar os valores a pagar para o ano todo, assim não tem que se preocupar com a emissão da guia todos os meses, basta procurar o banco onde tem conta e pedir o serviço, que é gratuito a todos os correntistas.

Saiba mais sobre os planos de contribuição neste artigo: Planos de Contribuição ao INSS e os Benefícios oferecidos.

Caso tenha alguma dúvida acesse o Fórum do Consultor Previdenciário, clique na imagem abaixo, e faça sua pergunta que será respondida o mais breve possível.

Fórum do Consultor Previdenciário

14 comentários :

Bruna Oliveira disse...

Olá, como faço para emitir as Guias para 2018?
Fica dando o mesmo erro sempre "Salário de contribuição não encontrado para competência 01/2018", mas se justamente quero iniciar as Guias e imprimir as 12 (de jan a dez de 2018).
A competência de 12/2017 já foi paga na sexta-feira (06/jan/2018).

Consultor Previdenciário disse...

Bruna

Agora em janeiro tem que pagar a mensalidade de dezembro, só em fevereiro pode pagar janeiro.

Fernanda Mansur Psicóloga disse...

Olá bom dia!
Estou com a mesma dificuldade da Bruna.
Quero emitir as guias para pagamento (vencimento a partir de 15/02) mas aparece Salário de contribuição não encontrado para competência 01/2018.

Vanessa de Oliveira disse...

Mas por que só em fevereiro?
Pois na ouvidoria dizem que o mês vigente você pode pagar desde o dia 01, até dia 15 do mês seguinte.

Renatamvr disse...

Bom dia,

Estou na mesma situação da Bruna! quero pagar a partir de janeiro de 2018 e imprimir para o ano inteiro. Nesse caso, devo colocar a competência 12/2017? mas não pode dar duplicidade de dezembro? agradeço muito sua ajuda.

IRF58 disse...

estou na mesma situação dos comentários anteriores, minha contribuição de 01.2018 fica dando erro sempre e não consigo encontrar uma solução

Erika Arruda disse...

Também estou com o mesmo problema. Ao tentar imprimir a guia de pagamento que vence dia 15/02 aparece esse mesmo erro.

Karina Mussi disse...

Tb estou na mesma situação da Bruna, o site se recusa a imprimir a guia de janeiro por conta do valor do salário

P Alves disse...

Olá, estou com atraso de 1 semana, como pago o código 1473.

Consultor Previdenciário disse...

P Alves

É só preencher a guia com os acréscimos e pagar, veja no site do INSS, www.inss.gov.br

mau12768rocha Camelo disse...

boa noite paguei 103,07 esse mes de fevereiro referente ao mes de janeiro como faço pra resolver fiquei sabendo que agora e 104,94

Consultor Previdenciário disse...

Na prática não tem como arrumar, pois para pagar uma guia complementar o valor tem que ser igual ou maior que 10,00.

Elisvane Peres disse...


boa tarde. trabalhei 26 anos ganhava +ou- 3 mil e agora vou parar de trabalhar quero continuar contribuindo no Facultativo p poder aposentar por tempo de contribuição. tenho que contribuir com INSS com maior valor pra aposentar com maior valor, ou pode ser sobre um salario minimo? como falta pouco pra eu aposentar vai influenciar se eu recolher sobre 1 salario?

Consultor Previdenciário disse...

Elisvane

O cálculo utiliza as contribuições feitas a partir de 07/94 e despreza 20% do total de meses pagos desde aquela data escolhidas pelo menor valor, assim se sempre pagou valor alto pode pagar pelo mínimo o que falta que em pouco irá alterar a média.