by

Os Tipos de Segurados da Previdência Social.


Neste artigo vamos tratar dos tipos de segurados da Previdência Social e a forma de inscrição que cada tipo deve utilizar para ingressar no sistema previdenciário.

Contribuir para a Previdência Social, além de proteger e dar mais tranquilidade ao cidadão, proporciona ao segurado direitos a vários benefícios previdenciários. 

Todo trabalhador que contribui mensalmente para a Previdência Social é chamado de segurado e tem direito aos benefícios e serviços oferecidos pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), como aposentadorias, o salário-maternidade e o auxílio-doença. Os dependentes têm direito à pensão por morte e auxílio-reclusão.

Para se tornar contribuinte não é preciso ir até uma Agência da Previdência Social, tudo pode ser feito pelo site da Previdência ou pela Central 135. A Central 135 também esclarece dúvidas e oferece outras informações aos novos contribuintes. A ligação é gratuita, se feita de um telefone fixo ou público, e tem custo de uma ligação local, se feita de celular.

Há seis modalidades de segurados, que são:

1 – Empregados: Nesta categoria estão todos os trabalhadores que prestam serviço às empresas mediante contrato com vínculo empregatício.

2 – Empregados domésticos: Nesta categoria estão todos os trabalhadores que prestam serviço à pessoa física no âmbito residencial, cujo empregador não visa lucro com a contratação da mão de obra.

3 – Trabalhadores avulsos: Nesta categoria estão todos trabalhadores que prestam serviços a diversas empresas, sem vínculo de emprego, e que são contratados por sindicatos e órgãos gestores de mão de obra, como estivador, amarrador de embarcações, ensacador de cacau etc.

4 – Trabalhadores autônomos: Nesta categoria estão todos os trabalhadores que prestam serviços por conta própria sem vínculo empregatício com quem contrata seus serviços.

5 – Segurados especiais: Nesta categoria estão os trabalhadores rurais e os pescadores artesanais que produzem individualmente ou em regime de economia familiar.

6 – Segurado facultativo: Nesta categoria estão os cidadãos que não exercem nenhuma atividade sujeita a contribuição previdenciária, mas decidem ingressar ao sistema contribuindo por conta própria.

Os segurados acima, com exceção do segurado facultativo, têm filiação obrigatória à Previdência Social, ou seja, ao iniciar uma atividade fica obrigado a fazer a inscrição e recolher contribuição previdenciária.

Caso tenha alguma dúvida acesse o Fórum do Consultor Previdenciário, clique na imagem abaixo, e faça sua pergunta que será respondida o mais breve possível. 

Fórum do Consultor Previdenciário

0 comentários :

QUERO DOAR R$ 10,00