QUERO DOAR R$ 10,00
by

Procedimentos a seguir para obter auxílio-doença no INSS.

Procedimentos a seguir para obter auxílio-doença no INSS.

Neste artigo vamos tratar dos procedimentos que o segurado da Previdência Social deve observar para requerer o benefício de auxílio-doença, que é pago pelo INSS quando o segurado fica incapacitado para o trabalho por doença ou por acidente. Os procedimentos que os segurados devem observar dependem do tipo de segurado:

1 – Segurado empregado:

a – o primeiro passo para que um segurado possa requerer o benefício de auxílio-doença é ter ido ao médico e ter obtido um atestado de afastamento do trabalho onde deve constar a doença diagnosticada, com o CID 10 apropriado, o tempo que deverá ficar afastado e laudos que comprovem a doença.

b – com o atestado em mãos o segurado empregado deve entregar à empresa para registro de seu afastamento.

c – se o tempo indicado no atestado for de até 15 dias, mesmo que seja mais de um atestado, o afastamento é pago  pela empresa. 

d – se o tempo indicado no atestado for maior que 15 dias o segurado terá que agendar atendimento no INSS no 16º dia, algumas empresas fazem esse registro, mas não é obrigação legal delas, por isso, quem tem que providenciar o agendamento é o empregado. O agendamento é feito pelo fone 135 ou pelo site daPrevidência Social

e – no caso do item anterior o empregado deverá preencher, ou pedir que alguém da empresa preencha, o formulário de requerimento do INSS, que pode ser encontrado no site da Previdência. Para que a perícia seja realizada é obrigatório que o formulário seja entregue com o devido preenchimento onde é indicado o último dia trabalhado.

f – caso o motivo de afastamento do trabalho tenha sido causado por acidente de trabalho a empresa deverá entregar ao empregado uma cópia do comunicado de acidente de trabalho, CAT.

g – no dia agendado para a perícia médica o segurado deverá comparecer ao INSS com seus documentos pessoais, CTPS e o formulário de requerimento preenchido. Caso esteja hospitalizado ou em casa impossibilitado de comparecer ao INSS deverá requerer que a perícia seja feita no hospital ou onde se encontre. O pedido deve ser feito no momento do agendamento ou o mais breve possível.
2 – Segurado contribuinte individual, facultativo, segurado especial e empregados domésticos:

a – o primeiro passo para que um segurado possa requerer o benefício de auxílio-doença é ter ido ao médico e ter obtido um atestado de afastamento do trabalho onde deve constar a doença diagnosticada, com o CID 10 apropriado, o tempo que deverá ficar afastado e laudos que comprovem a doença.

b – com o atestado em mãos faz o agendamento da perícia junto ao INSS, pode usar o fone 135 ou o site da Previdência Social.

c – no dia marcado comparece ao INSS com seus documentos pessoais, atestado médico e laudos emitidos e os comprovantes das contribuições recolhidas. Caso não tenha condições de comparecer pode requerer perícia hospitalar ou domiciliar.

Para ter direito a requerer o benefício de auxílio-doença é preciso que o segurado tenha um mínimo de 12 contribuições, realizadas antes do mês em que ocorrer o afastamento. No caso de doenças graves ou acidentes não é exigido carência, mas é preciso que o segurado tenha qualidade de segurado. Saiba mais sobre qualidade lendo o artigo: O que é qualidade de segurado para fins de benefício no INSS.



Veja as alterações na regra da renda mensal do benefício de auxílio-doença: A renda mensal do auxílio-doença com regra da MP 664/2014

Caso tenha alguma dúvida acesse o Fórum do Consultor Previdenciário e faça sua pergunta que será respondida o mais breve possível.

Fórum do Consultor Previdenciário

106 comentários :

jhonatan roberto disse...

peguei 3 mes deafastamento e nao fiz toda a fisioterapia isso da algo quando eupassar pela pericia; tipo de 30 fiz 15

O Consultor em Previdência disse...

Jhonatan
Não tenho como responder sobre matéria médica, mas acredito que não tenha problema.
Faça uma DOAÇÃO de qualquer valor e ajude este blog a se manter

Chaiane Lobo disse...

Peguei atestado de 15 dias e ja entreguei na empresa, porém meu atestado acabava ontem dia 19 e a perícia só esta marcada para o dia 29. Como devo proceder?

O Consultor em Previdência disse...

Chaiane
Tem alguma coisa errada, pois 15 dias não tem que fazer perícia. Leia o artigo que vai entender.
Doar é Participar, Faça uma DOAÇÃO e Ajude a manter este Portal

Matheus Schuindt disse...

Boa tarde, Fiquei doente o médico me deu atestado de 7 dias , e depois mais 7... porem o patrão não está de acordo eu passar tanto tempo em casa e está querendo me mandar embora , isso é correto?

O Consultor em Previdência disse...

Matheus
A empresa pode demitir quando quiser.
Doar é Participar, Faça uma DOAÇÃO e Ajude a manter este Portal

Jehniffer Guedes disse...

Olá, Dia 16/01 eu saí do trabalho as 19:00 hs e indo pra casa sofri um acidente de moto as 19:20 hs e meu joelho saiu do lugar, peguei 30 dias de atestado. Minha duvida é; esse acidente é considerado acidente de trabalho?

O Consultor em Previdência disse...

Jehniffer
É, mas a empresa tem que fazer a CAT ou terá que entrar na Justiça.

Tatiana Marques disse...

Ola estou gravida de 33 semanas estou sentindo muitas dores pois tenha varizes uterinas sera que consigo me afastar pelo inss ate completar as 40 semanas para eu entrar de licença maternidade

Renata Batista disse...

Olá, fiz uma cirurgia de apêndice, o medico deu 15 dias de atestado, porem durante esse tempo tive uma inflamação no local e o médico me deu a carta encaminhando ao inss, meu atestado é válido do dia 08/01 a 22/01 que caiu numa sexta feira, porém fui ao inss para marcar a perícia na semana seguinte, e minha pericia foi marcada só para dia 03/03 ou seja falta pouco mais de um mês para a perícia, e minha duvida é a seguinte; o inss vai me pagar por esses dias todos eaperando pela perícia? Pois estou muito confusa, se meu atestado acabou dia 22/01 e so consegui agenda para pericia no dia 03/03 como qie ficam todos esses dias?
E a segunda duvida é ; eu fui na semana sehuinte para marvar a perícia ou seja dias depois q acabou o atestado pois o meamo caiu na sexta feira, tem alg problema? Pois pelo que li no atirgo eles devem me pagar a partir do 16° dia apos o término do atestado.
Por favor tire minhas duvidas....
Obrigada

O Consultor em Previdência disse...

Tatiana
Se é segurada do INSS é só seu médico recomendar.

O Consultor em Previdência disse...

REnata
Não precisa se preocupar com atestado.

marlene braga disse...

Marlene
Bom dia!
Gostaria de tirar uma dúvida pago meu INSS como autónoma uns 25 anos no valor de 176,00 20% e hoje estou com 50 anos quanto tempo ainda devo contribuir para me aposentadoria, falta muito tempo ainda.

O Consultor em Previdência disse...

Marlene
As regras atuais exige 30 anos de contribuição.

jose disse...

TIRAR UMA DUVIDA FIZ UM PEDIDO DE REQUERIMENTO NO MES DE NOVEMBRO DE 2015. POREM MEU BENEFICIO AUXILIO DOENÇA FOI CONCEDIDO EM JANEIRO DE 2016 POREM A DATA DA LAUDO FOI DIA 20/01/2016. RECEBO O VALOR A PARTIR DA DATA DO LAUDO OU DO REQUERIMENTO

O Consultor em Previdência disse...

Jose
Vai receber desde a data que fez o pedido.

Renata Batista disse...

Sobre o atestado eu entendi, mas estou na dúvida sobre ao pagamento, eu recebo des do 16° apos o atestado? Mesmo minha pericia senso marcada para 2 meses depois da cirurgia?
Eis a duvida...

O Consultor em Previdência disse...

REnata
Quando for concedido recebe desde o 16º dia que se afastou.

jose disse...

Bom dia!
Gostaria de reformular minha pergunta.
trabalhei mais de 1 ano em uma determinada empresa, apos o quinto mes do desligamento dei entrada na previdência social no mes de novembro de 2015. Fiz a pericia em janeiro de 2016 e foi concedido. Porém na carta de concessão informou que a vigencia sera a data do laudo medico mes de janeiro de 2016.
Levei um esse laudo novo pois o laudo de novembro achei que não servia devido a greve do inss e remarcação constante de pericia.

liguei para o 135 e o mesmo informar que so consta no sistema o perido da data do laudo. Minha duvida... aprevidencia disse que pagaria pela data do requerimento..esse valor entra depois..porque nao consta no sistema

O Consultor em Previdência disse...

Jose
Não sei do que se trata, sugiro que vá ao INSS ver o que ocorreu.

Eliana dos Santos Ferreira disse...

Boa Tarde,

Uma dúvida, no requerimento deve ser colocado o ultimo dia de atestado ou o ultimo dia trabalhado. A Empresa quer colocar o ultimo dia de atestado como trabalhado. Esta correto?

O Consultor em Previdência disse...

Eliana
É o último dia trabalhado, se a empresa colocar outro terá que pagar mais, pois o INSS paga a partir do 16º de afastamento e conta pelo que a empresa coloca.

Vivian Fernandes disse...

Ola boa noite, meu psiquiatra meu deu o laudo para afastamento eu sai do emprego a um mes como devo proceder pra marcar a perícia medica

O Consultor em Previdência disse...

Vivian
Leia o artigo que foi feito, justamente, para o seu caso.

Leonardo disse...

Boa noite, tive meu último registro de 2012 a 2014 porém a empresa nunca pagou fgts, hoje trabalho por conta e estou com o minisco do joelho rompido, consigo auxílio doença?

O Consultor em Previdência disse...

Leonardo
Informações insuficientes para dar uma resposta, mas pode ir ao INSS e ver qual é sua situação ou siga o que é recomendado no artigo.

Evelize disse...

Olá! Fiz uma cirurgia de urgência e fiquei 15 dias afastada,voltei a trabalhar na semana passada e hj o Médico me disse que acha q vou ter que me afastar novamente pq infeccionou os pontos.agora vou ter que me encostar? Grata.

O Consultor em Previdência disse...

Evelize
Sim, leia o artigo que trata desse assunto.

Wesley disse...

Bom dia estou com um problema na coluna o médico suspeita que é ernia de disco me deu 8 dias e pediu pra mim fazer uma ressonância, fui marcar a ressonância era a semana do carnaval quinta-feira não tinha vaga, só consegui pra hj. Nisso voltei e o médico me deu mais 8 dias mas ele falou que não pode me dar mais nem um dia só que o resultado da ressonância só sai semana que vem e eu não tenho condições de trabalhar e se eu for pro trabalho vou ser mandado embora meu patrão já até contrato outra pessoa! o que voce poderia me explicar?

O Consultor em Previdência disse...

Wesley
Tem que falar com o médico, fora isso não tem o que fazer.

Erica Aguiar disse...

Bom dia. O requerimento do auxílio doença deve ser feito no décimo sexto dia? Ou houve alguma alteração na legislação em 2016?

O Consultor em Previdência disse...

Erica
É o que diz o artigo e não teve alteração.

Priscila Mello disse...

Boa Tarde, fui informado pela minha empresa que a partir do dia 05/01/2016 o inss ficaria responsável pelo meu salário, porém minha pericia foi feita em 16/02/2016, tendo visto que no mesmo dia da percia fui liberado pelo medico a retornar as atividades, agora aguardo meu beneficio. minha dúvida é:
receberei o auxílio apenas de janeiro ou janeiro e fevereiro?

Vitor Mello disse...

Boa tarde. Sofri um acidente e precisei fazer uma cirurgia na mão. O atestado que o médico me deu foi de apenas 15 dias (15/02 a 29/02), ficarei mais um mês afastado, mas só consegui agendar a pericia para o dia 10/03 e a empresa está cobrando o atestado a partir do dia 01/03, o médico deve me dar esse atestado ou o INSS?

O Consultor em Previdência disse...

Priscila
Vai receber de janeiro a fevereiro, proporcional aos dias que ficou em benefício.

O Consultor em Previdência disse...

VITOR
Se tem atestado de 15 dias, quem disse que tem que ficar mais que isso? Só o médico pode dizer isso, por isso a empresa está certa, tem que apresentar atestado, o INSS não dá atestado.

Marcelo disse...

Torci o tornozelo, o médico me deu 10 dias de atestado, depois mais 5 e após mais 7 onde fui encaminhado para o INSS. Minha dúvida é: devo retornar ao trabalho ao fim do atestado ou após a perícia?

O Consultor em Previdência disse...

Marcelo
Após a perícia.

Yasmim Vargas disse...

Estou com 26 semanas de gestação,peguei 15 De afastamento do trabalho com minha médica do Prè Natal devido a eu estar tendo sangramentos .Sendo q a mesma pediu para q eu passasse por uma nova avaliação com um obstetra pra saber se apos esse período eu posso voltar ao trabalho. Se caso eu não puder,entro pelo INSS atè minha Bebe nascer,mais depois depois eu ainda continuo com o meu direito dos 4 meses de licença?

O Consultor em Previdência disse...

Yasmim
Sim, mantém o direito normal, a partir do dia que a criança nascer tem que parar o auxílio-doença e iniciar a licença.

Marcio Assis disse...

Esquecir de pedir o médico para assinar meu cat,fui fazer a minha perícia mas me fizeram q tem q ter a assinatura do médico do vem,o médico não trabalha mas no hospital e não sei como encontrar, nesse caso como devo fazer?

O Consultor em Previdência disse...

Marcio
Isso é estranho, pois quem emite a CAT é a empresa e é ela que providencia as assinaturas e o registro.

JEONE COSTA SOUZA disse...

A lei que a empresa tem que pagar 30 dias e a partir dai que o INSS paga ta valida ou ja voltou pros 15 dias.

O Consultor em Previdência disse...

Jeone
São 15 dias que a empresa paga, não vale há muito tempo o prazo de 30 dias

Lene Siqueira disse...

Ola bom dia eu queria saber eu ganha o bbolsa familia do governo e pago o inss atraveis do programa que e 5% e ja tenho uns 5 anos que pago e agora estou com uma dor danada na coluna sera que eu tenho direito ao beneficio do inss o que tenho que faser para ter o direito do inss

O Consultor em Previdência disse...

Lene
Tem direito de pedir, mas quem vai dizer se tem direito ao benefício é a perícia do INSS.

Lidiane Paiva disse...

Bom dia,meu esposo sofreu acidente de moto,e no momento ele estava desempregado,a última vez q ele trabalhou foi em Abril de 2015 mesmo assim foram 7 dias,assinado na carteira,o médico de um ano pra ele se recuperá,pois fraturou a bacia , a tíbia e a fibula.A perícia está marcada agora em Março ,será q ele consegue ganhar o auxílio -doença?

Thata Sakamoto disse...

Bom dia, estou grávida de 27 semanas e em uma gestação de risco, a médica me deu 7 dias de atestado, até sair o exame específico para o meu problema é depois disso a médica fez o encaminhamento para o INSS para que eu me afaste até o nascimento do meu bebê, estou sem trabalhar desde o dia 11/02 e a médica me afastou do dia 24/02 até o nascimento, como fica o meu benefício? Minha perícia é dia 1703. Obrigada.

O Consultor em Previdência disse...

Lidiane
Pelo que diz é provável que tenha direito.

O Consultor em Previdência disse...

Thata
Não sei, tem que esperar a análise do INSS.

jessica disse...

Sou autonoma, tenho mais ou menos 16 anos de contribuição, nos ultimos anos eu contribui pagando o carne, so que a 1ano e 6 meses estou sem contribuir, agora peguei um atestado de 20dias e o medico disse pra eu agendar uma pericia. Gostaria de saber se tenho direito de auxilio doença, se for o caso, e se ainda sou segurada como vc diz na outro artigo, ou tenho que contribuir por 12 meses novamente?

Samantha Tavares disse...

Bom dia, dei entrada no Inss proveniente da cirurgia de vesícula, no cadastram então me pediram para escolher entre dois bancos para o recebimento os quais não tinha contas para o recebimento, qual o procedimento devo tomar para o recebimento do benefício?

O Consultor em Previdência disse...

Jessica
Não dá para ter certeza, pois seu relato é escasso, mas pode agendar e ver o que o INSS vai dizer.

O Consultor em Previdência disse...

Samantha
SE não tem conta em nenhum banco não precisa fazer escolha nenhuma que o sistema manda para o banco que venceu o pregão na sua região.

°ღ•●•Irlania Mello•●•ღ° disse...

Fui ao medico mes passado sentido fortes dores no útero descobri q tenho um cisto e tenho endometriose, desde então o médico vem me dando atestado, porque eu tinha q ficar de repouso. Tenho medo da empresa me colocar p fora. Não consigo trabalhar pois as dores são horríveis.

O Consultor em Previdência disse...

Enquanto estiver em benefício no INSS a empresa não pode demitir.

Edenise Giusti disse...

Sr. Catarino em novembro peguei um atestado de 14 dias de afastamento que foi até o dia 27. No dia 03 de dezembro entreguei outro atestado com mais 30 dias e a empresa me pagou um dia e mandou para o INSS. No ofício do último dia trabalhado a empresa especificou que pagou 14 dias de 14 a 27/11 e 1 dia no dia 03/12 e disse que meu ultimo dia trabalhado foi dia 02. O INSS dia que está errado e a empresa diz que não. O que devo fazer?

O Consultor em Previdência disse...

Edenise
A empresa esta certa, pois se já tinha usado 14 dias e apresentou um novo atestado no dia 03 a empresa só tem que pagar mais um dia e depois é com o INSS.

Giselle Cassemiro disse...

Estou grávida de 4 meses nao estou ganhando peso pelo contrario estou perdendo peso passei com a go e ela me deu 5 dias de atestado e agendou consulta com psiquiatra pq acredita que estou com inicio de depressao passei hoje pelo psiquiatra e ele me medicou passou exames e me atestou por mais 15 dias vou fazer acompanhamento mensal com ele pq realmente indica depressao preciso dar entrada pelo inss? Ele me deu uma carta com o cid

O Consultor em Previdência disse...

Giselle
Leia o artigo que tem tudo o que precisa saber.

Neiva Fatima Piccoli disse...

Ola me operei dia 09/03,foi dado atestado de 30 dias já passei pelo médico e empresa que validou o atestado e já foi marcada a perícia para o dia 12/04 quero saber quanto tempo leva para eu receber após a data da perícia.

O Consultor em Previdência disse...

Neiva
Demora 15 dias depois da perícia feita.

Debora Pontes disse...

Oi boa noite, eu tenho duas hernias de disco uma na lombar e outra na cervical e elas estao me deixando fraca e com muitas dores, alem de espasmos musculares onde os medicos ainda estão investigando com varios exames, mas estou com muita dificuldade de trabalhar. Gostaria de saber se tenho como dar entrada no afastamento por esse motivo e quais as chances de conseguir. Desde ja agradeço.

O Consultor em Previdência disse...

Debora
Isso só seu médico pode responder.

Mayara Souza disse...

Fiz cirurgia bariátrica em 30/10/2015 peguei atestado de 15 dias retornei ao trabalho por um dia mas Passei mal e o médico me deu mais 2 dias. Entrei pelo inss a perícia foi marcada para 15/1/2016 porém devido a greve dos peritos não fui atendida peicia remarcada para 4/4/2016. Recebo o retroativo por esses dias? Já qa culpa de aguardar todo esse tempo não é minha

O Consultor em Previdência disse...

Mayara
Sim, recebe todo o período.

Nelson Gonçalves disse...

Sou motorista profissional, pedi demissão aprox 40 dias atrás. Tenho sérios problemas de pânico e ansiedades e não estava conseguindo me concentrar para viagem ( medo fobia) não comentei nada com meu patrão tive vergonha, anos atrás já fiquei em tratamento por 3 anos pelo mesmo motivo em outra empresa. Mais na época eu estava registrado, e agora? Posso solicitar estando sem registro em carteira?

Ricardo sarah Carvalho Caldeira disse...

Bom dia!
Estou com uma grande duvida, contribui durante 25 anos, e desde de novembro de 2015 parei pois fui demitida da empresa. Porém tive que fazer uma cirurgia de quadril ( coloquei prótese). Em novembro depois de ser demitida, e resolvi fazer a cirurgia agendei uma perícia no inss, que será agora no final de Março 2016. Minha cirurgia já foi feita em Janeiro, já estou bem recuperada, mais ainda fazendo fisioterapia, minha dúvida é se no meu caso tenho direto ao benefício.

Claiton Komatsu disse...

Tenho visto muitas informações contraditórias mencionando Pareceres, Leis, Decretos, MPs que foram revogadas ou alteraram prazos e forma de contagem para auxílio-doença (afastamento pelo INSS). Pelo que vi e isso parece claro, o prazo realmente voltou a ser de 15 dias. O que ainda não esta claro é se estes 15 dias tem que ser consecutivos ou se podem ser cumulativos no caso do funcionário ter mais de um atestado que, somados, passem de 15 dias. Existe este limite de 15 dias para um determinado período? Que limite e prazo seriam estes? Qual o amparo legal?

O Consultor em Previdência disse...

Nelson
Pode pedir sim, mantém o direito por 12 meses.

O Consultor em Previdência disse...

Ricardo
Tem direito sim.

O Consultor em Previdência disse...

Claiton
São 15 dias corridos ou alternados dentro do prazo de 60 dias.

Paula Imports disse...

Olá minha patroa não quer assinar o papel que o INSS me entregou ela quer que eu use minhas férias como tempo de recuperação da minha cirurgia ( meu atestado é de 60 dias) como devo proceder?

O Consultor em Previdência disse...

Paula
Procure um advogado para entrar na justiça do trabalho.

Quero Doar R$ 10,00

Greicy Carvalho disse...

Olá,

gostaria de saber se para que seja caracterizado o afastamento pelo inss com a somatória de 15 dias em atestados separados, o cid deve ser exatamente o mesmo, ou se forem doenças relacionadas a empresa também pode me solicitar a perícia.
No meu caso, estou gestante de 7 meses, e peguei um atestado de sete dias com o cid R 10.2 porém tenho outros atestados dentro do período de 60 dias de cid's diferentes, inclusive de acompanhamento da gestação. Gostaria de saber se todos eles entram na somatória ou somente a médica me der um novo atestado com o mesmo cid eu posso ser afastada.
Obrigada.

O Consultor em Previdência disse...

Greicy
Somam todos os atestados e depois de 15 dias vai para o INSS.

Quero Doar R$ 20,00

Lidiane Paiva disse...

Boa noite ,dei entrada no auxílio-doença pro esposo dia 23/12/15,a perícia foi marcada dia 21/03/16,o,benefício foi concedido.Gostaria de saber se o inss paga deste o dia q dei entrada?
Outra pergunta:ele recebendo o benefício ,ele tem q pagar como autônomo?

O Consultor em Previdência disse...

Lidiane
Recebe desde o pedido e não pode pagar enquanto estava esperando e nem enquanto estiver recebendo, se fizer isso perde o benefício.
QUERO DOAR R$ 10,00

Ana Cecíllia Caetano disse...

Internei dia 10/03 para uma cirurgia que só foi realizada no dia 12/03 e tive alta no dia seguinte. O médico me deu um primeiro atestado de 15 dias da cirurgia, onde meu retorno tb foi marcado p 15 dias. Minha dúvida é a seguinte, meu atestado começou contar dia e 10, contando os 15 dias acabou antes do retorno pelo fato de ter contado a internação. Perdi 2 dias de serviço teoricamente até o retorno no dia 28/3. Agora o médico me deu mais 20 dias de atestado, onde o mesmo acaba dia 16/04. Minha perícia foi marcada para 27/04. Como proceder com os 2 dias perdidos entre os atestados e agora com o final? Devo voltar a trabalhar?

O Consultor em Previdência disse...

Ana
Não tem o que fazer, veja os procedimentos aqui narrados que vai entender.
QUERO DOAR R$ 10,00

Lúcia disse...

Boa noite gostaria de saber,porque dei um problema no útero e o Cid 53 passei por cirurgia em outubro e o estado clínico atual da doença é CCE in sintu outradas consideração devo manter acompanhamento neste serviço ,agora fui demitida do emprego isso é correto ,posso ser demitida ou devo entrar com ação contra empresa

O Consultor em Previdência disse...

Lúcia
Para ser demitida precisa passar por exame médico que diga que está sem nenhuma doença, se isso não ocorreu pode entrar na justiça do trabalho.
QUERO DOAR R$ 20,00

Marizete Barbosa disse...

Bom dia tenho uma empregada doméstica que estava de ferias e nesse periodo das férias caiu e quebrou um braço faltando 2 semanad pra voltar pro trabalho. A dúvida e se isso e configurado acidente de trabalho. E como fica o último dia trabalhado se ela tava de férias. Qdo era pra ser o retorno dela ela trouxe o atestado de 15 dias e depois outro de mais 15 diad

Consultor Previdenciário disse...

Marizete
SE estava de férias não tem como ser acidente de trabalho, o atestado começa a valer a partir do dia que teria que voltar, então ela tem que agendar atendimento no INSS e não retornar ao trabalho antes da alta. O último dia de trabalho vai ser o dia antes de iniciar as férias.

QUERO DOAR R$ 10,00

Debora Pontes disse...

Boa noite, me chamo Débora, tenho 23 anos, trabalho como atendente de telemarketing há 7 meses e a 3 meses atras passei a apresentar alguns sintomas que no principio não foi descoberto, apos muitos e diversos exames fui diagnosticada com a doença osteoartrite, a minha reumatologista me deu um atestado de 30 dias com a CID M06, M51 e M75, podendo prorrogar por tempo indeterminado. Gostaria de saber se baseado neste diagnostico eu tenho direito ao auxilio doença e posteriormente a uma aposentadoria? E quais procedimentos que devo tomar na minha empresa ou no INSS?
Desde já agradeço sua atenção!!!

Consultor Previdenciário disse...

Debora
No artigo escrevi tudo o que precisa para pedir o benefício, como mesmo lendo não ajudou sugiro que procure o INSS para que lhe expliquem o que deve fazer.
QUERO DOAR R$ 10,00

Patrícia disse...

Bom dia..Fiz uma cirurgia de enxerto LCA mais menisco.O medico me deu 60 dias se afastamento.Minha pericia esta marcada para 10/05/2016.O medico do INSS pode eatender esse periodo se achar necessario pela minha prifissao visto sou serralheira ou ele marca outra pericia para ver se fico mais tempo ou nao?

Consultor Previdenciário disse...

Patrícia
SE no dia da perícia não estiver curado o perito irá estabelecer um prazo, depois se precisar pode pedir prorrogação.

Cristina disse...

Ana... Bom dia peguei atestado de dois dia 02/04/15 até 03/04/15 e outro 15 dias aparti do dia 10/04/16 até 25/04/16 quando retornei na empresa me falaram que tinha indo pró INSS a perícia foi marcada dia 30/06/16 a minha dúvida é do dia 26/04/16 até dia da perícia eu vou receber ?

Consultor Previdenciário disse...

Cristina
Só recebe 15 dias depois da perícia feita.

Aline Saciloto - Oque eu vou contar... disse...

Dia 13/03 passei por uma cirurgia do apêndice éo medico me deu um atestado de 30 dias. A empresa me pagou os 15 dias e agendou para dia 10/05 minha pericia. Sou leigo e não seicomo fica minha situação. Pq após os 30 dias, passei pelo medico da empresa e já estou trabalhando. Mas vou receber esses15 dias do INSS? É feito como o calculo de quanto vou receber? E quantos dias apos a pericia eu recebo? Muito obrigado.

Consultor Previdenciário disse...

Aline
Recebe sim, a renda é feita pela média das contribuições.
VOU FAZER UMA DOAÇÃO

ezeantunes89 disse...

Olá, descobri que tenho artrose e meu médico me deu a carta para pedir auxílio doença, já que as dores dificultam de trabalhar, marquei a perícia para março, passei e foi negado, alegando que tinha condições de trabalho, dia 04 de abril remarquei a pericia para pedir o recurso dessa decisão, mas a segunda perícia foi marcada para ontem 06/05, onde o períto concedeu o benefico, ja que passei por cirurgia dia 08/04, quase um mês antrs da perícia

Gostaria de saber: vou receber o benefício a contar de qual data, já que há um mês não tenho nenhuma condição de trabalho?

Obrigado desde já

Consultor Previdenciário disse...

Deve receber desde a data em que foi pedido, mas tem que ver no INSS, pois se mudou a situação entre o pedido e a última perícia pode ter havido decisão diferente.

Camila Teles Brigagão disse...

Bom dia,

Minha mãe contribuiu por 20 anos e está com 51 anos. Ela não contribui desde dez/2008 (começou a contribuir em 1978), aí ela soube de uma lei de 1994 que considera 284 contribuições para se aposentar. Ela quer saber se consegue se aposentar por tempo de contribuição ou se ainda não der para ela se aposentar, se compensa voltar a pagar para aposentar por contribuição ou se ela espera aposentar por idade e não paga mais nada.

A contabilidade informou que deverei pagar com o código de 1007 (que é autônoma), e 11% sobre R$ 5.189,82 que resulta em 570,88. Gostaria de saber se o valor está correto. Queremos pagar sob o teto máximo.

Cris Faustino disse...

olá, eu fiz uma cirurgia dia 10/03 o medico me deu um atestado de 30 dias e a pericia foi agendada para 12/05 recebo todo esse tempo ou só os 30 dias do atestado?

Consultor Previdenciário disse...

Cris
Sim recebe todo o período.

Consultor Previdenciário disse...

Camila
Não existe nenhuma lei que garanta aposentadoria com menos de 30 anos para as mulheres, se ela é contribuinte individual o código está certo, porém para pagar 11% só se ela presta serviço à empresa que retém os valores, fora isso tem que pagar 20%.

O colecionador disse...

Bom dia, Fiz recentimente uma cirurgia de hérnia inguinal,peguei atestado é 15 dias...contando a partir do dia 04/05/16 vai até 18/05/16. Já marquei o agendamento pelo inss,ficou para dia 19/07/16. Minha dúvida é,depois que acabar os meus dias te atestado médico ...qual o procedimento que devo tomar depois?

Consultor Previdenciário disse...

Tudo o que precisa saber sobre esse assunto está escrito no artigo, leia que vai ver os procedimentos.
O SERVIÇO VOLUNTÁRIO MERECE INCENTIVO

Andreia Santos De Castro disse...

Ola minha esposa esta gravida de 6 mmeses e ela tem so sete meses na Impresa ai ela pegou um atestado de 30 dias esse e seu primeiro imprego como ela faz pra ter o auxilio do inss?ou qual será o melhor procedimento pra ela?

Maxswell Monteiro disse...

Maxswell Boa tarde, me acidentei de moto ,porém ralei os dedos da mão, ta com pontos ,,não consigo mexer eles ,peguei um atestado de 15 dias ,porém vou ter q passar no médico novamente, mas ,pelo jeito vou ser afastado qual é o prazo mínimo de afastamento,, ou não tem jeito vou ficar mas devido a perícia demorar a ser feita...

Isabela Souza disse...

eu fiz a cirurgia no dia 07/05 e recebi alta hospitalar hoje dia 11/05 o atestado é de 15 dias com esse total do dia entre nada e do atestado eu tenho que dar entrada no INSS

Consultor Previdenciário disse...

Isabela
Se é empregada não, se é contribuinte individual tem.

TRABALHO VOLUNTÁRIO MERECE INCENTIVO

Consultor Previdenciário disse...

Maxswell
Se é empregado a empresa paga 15 dias e depois vai ao INSS. Veja o artigo que trata desse assunto.
TRABALHO VOLUNTÁRIO MERECE INCENTIVO

Consultor Previdenciário disse...

Andreia
Ela não tem direito por falta de carência, quando a criança nascer a empresa irá pagar a licença.
TRABALHO VOLUNTÁRIO MERECE INCENTIVO