by

Como acertar contribuição previdenciária paga com erro.

contribuição previdenciária, INSS, acerto de erros.

Neste artigo vamos tratar dos procedimentos que o contribuinte da Previdência Social deve adotar para acertar contribuições que tenha feita com valor menor que o mínimo e outros erros que necessitem correção junto ao INSS.

Quando um contribuinte previdenciário efetua sua contribuição com algum erro e precisa corrigi-lo terá que agendar um atendimento de acerto de contribuições e comparecer ao INSS, no dia marcado, e apresentar os comprovantes para que seja feita a regularização nos sistemas da Previdência. Tem que comparecer o próprio segurado ou mediante procuração, se for ser representado por terceiros.

Quando o contribuinte recolhe valor menor que o mínimo precisa complementar a contribuição para que seja aceita pelo INSS. Se o acerto for feito antes da data máxima prevista para pagamento da competência em questão basta recolher o valor da diferença, se for fazer após essa data terá que recolher com juros e multa. É importante salientar que o valor mínimo que a Previdência Social aceita, para ser preenchido em uma guia GPS, é de R$ 10,00. Quando o valor for menor terá que ser acrescido na próxima contribuição ou somada a outras diferenças de forma que resulte em valor igual ou maior que esse mínimo.

Quem paga contribuição sobre o salário-mínimo tem que prestar atenção que o valor muda sempre em janeiro. A contribuição de janeiro é paga até 15 de fevereiro. Quem, por engano, paga um valor menor que o mínimo exigido tem que pagar a diferença. A maneira mais fácil de regularizar a contribuição é pagar junto à próxima contribuição que for fazer. Basta fazer o cálculo do valor que pagou a menor e acrescentar juros e multa e somar ao valor normal do mês. Não esqueça de anotar na guia os valores pagos para lembrar o porquê de ter pago um valor diferente naquele mês.

Para saber o valor dos acréscimos terá que calcular no site da Previdência o valor total da parcela como se não tivesse pago nada, depois calcula o mesmo valor de acréscimos para a parte que ficou sem recolher. Por exemplo: Se a competência de janeiro de 2015 foi paga pelo valor do mínimo do ano anterior, R$ 722,00, quando devia ter pago pelo novo mínimo, R$ 788,00, terá que calcular a diferença de R$ 157,60 de R$ 144,40 (valor errado) e acrescentar esse valor, corrigido, em uma nova guia GPS.

No caso dos contribuintes que recolhem 11% do mínimo ou 5% a diferença é mínima e, por isso, se for de apenas um mês deve ser acrescida a próxima contribuição.

Caso queira saber os tipos de contribuições que existem atualmente no INSS convido que leia o artigo Como contribuir à Previdência. Caso tenha alguma dúvida use o Fórum do Consultor e faça sua pergunta. 

Fórum do Consultor. Pergunte sobre os benefícios do INSS

44 comentários :

  1. Boa noite Catarino, em primeiro, obrigado pelo seu post. No meu caso, para as competências 04 e 05/2015, recolhi R$156,60 em ambos os meses, quando o correto é R$157,60 para o código de pagamento 1007. Quando utilizo o link em seu post, para cálculo da GPS, não consigo informar apenas R$1,00 como contribuição. O mínimo é R$788,00. Como devo fazer o cálculo de juros e multa? Calculo como se não houvesse pago nada, depois do valor total reduzo o valor já pago? ex: se não houvese pago nada, o side da previdência gerou um valor de R$366,31, para pagamento em 15/07/2015. Como já contribui R$313,20, faço uma GPS manual, com os códigos informados na GPS da previdência, mas com o valor da diferença? Agradeço desde ja! Cassio.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cassio
      Nesse caso não tem como pagar em separado, tem que incluir o valor junto com o próximo mês, tanto pode acrescer os juros como não, pois a diferença muito pequena não irá influir.

      Excluir
  2. Prezado Catarino: Boa noite. Efetuei recolhimento do INSS de empregada doméstica, como de costume, no dia 15/07. Fui surpreendido pela notícia de que o vencimento passou a ser o dia 07. Logo, paguei a menos do que deveria.
    É possível recolher apenas os valores de multa e juros? Como devo proceder?
    Desde já agradeço. Att., Leandro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leandro
      Se o valor a pagar der no mínimo 10,00 pode pagar com uma guia a parte, se der menos tem que incluir no próximo pagamento. O acréscimo é de 0,33% por dia.

      Excluir
  3. Muito obrigado, Catarino! Então não é necessária qualquer comunicação? Basta incluir o valor do acréscimo no próximo pagamento (competência 07/2015)?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite. Meu caso é idêntico ao relatado: paguei a contribuição no dia 15/07, sem saber que a data havia sido alterada para 07/07. Minha dúvida é: calculo a multa apenas entre 07 e 15/07 (2,64% - 8 x 0,33%) ou tenho que calculá-la até a data em que eu for fazer o pagamento da competência 07/2015 (07/08/2015) ?

      Excluir
    2. Pedro
      Tem que calcular até o dia que for fazer o pagamento.

      Excluir
  4. Boa noite, Catarino!
    Paguei a competência 06/2015 em atraso, (no dia 16 de julho) porém o valor foi pago errado, paguei R$88,11ao invés de R$86,96. Gostaria de saber se o pagamento dessa competência foi invalidado? Agradeço desde já!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jeronima
      Com o valor errado acabou pagando mais que o valor dos acréscimos, por isso a mensalidade vai ser apropriada normalmente.

      Excluir
  5. boa tarde !!!
    Por um erro de digitação , o financeiro deixou de pagar o valor de R$300,00 do INSS (campo 06) , neste caso somente faço uma guia complementar de R$300,00 (campo06) e deixo outras entidades em branco (campo 09) ??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Solange
      Não sei sobre os recolhimentos das empresas, tem que ver na Receita Federal.

      Excluir
  6. Boa tarde sou cooperado e eles recolhem para mim como contribuinte individual, mas em 2 meses recolherem um valor menor que o devido. Ex: 113,80 como faço para recolher a diferença?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem que emitir um guia com o valor da diferença acrescida da correção.

      Excluir
  7. Bom dia, paguei INSS individual competencias 01/2015, 02/2015, 03/2015 e 04/2015 20% sobre o salario minimo de R$ 724,00 quando o correto seria 20% sobre o minimo de R$ 788,00. Como fazer para regularizar e pagar as diferenças?
    Obrigado
    Mauro Polla

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mauro
      Leia o artigo que nele explico essa situação.

      Excluir
  8. Boa noite Catarino:
    Desde janeiro/2002 o valor de contribuição do INSS da minha empregada doméstica está incorreto. Coloquei em débito em conta no Banco do Brasil e está sendo recolhido pelo Salário Mínimo Nacional quando o correto é o Salário Mínimo Regional que é o que eu pago aqui no RS. Penso que tenho que ir numa ag. do INSS para que me façam o cálculo. É isso mesmo? Poderias me orientar? Obrigada. Eloá

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eloa
      Sim, tem que ir ao INSS e pedir o cálculo do valor da diferença.

      Excluir
  9. Boa noite, no mês 06/2015 eu paguei R$ 157,00 quando deveria ter pago 157,60, liguei para 135 (atendimento online do INSS) perguntando como eu poderia acertar isso, se eu poderia pagar na guia do mês 07 acrescido dos juros, ele me falou que não poderia pois e outra competência, que eu tinha que ir pessoalmente na agencia do INSS para eles calcularem o novo valor e geral uma guia, eu disse tudo isso por causa de 60 centavos? não tem outro jeito mas simples? ele disse não. Mas pelo seu site, tem sim, você pode me orientar? Obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nesse caso nem precisa recolher a diferença, mas se quiser é só acrescentar o valor no próximo pagamento. No 135 eles não sabem sobre exceções, só a regra geral.

      Excluir
  10. Paguei o Mês Junho/2015 no dia 15 de julho, quando deveria ter sido 07 de julho. O cálculo da multa e juros hoje seria de R$ 16,86. Como faço faço para pagar esse valor?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Renata
      Se o valor está correto é só preencher uma guia complementar, com a mesma competência, e recolher.

      Excluir
    2. Onde preencho a guia online? Pq pelo programa que tenho aqui, não aceita preencher só o valor da multa.

      Excluir
    3. Renata
      Não tem como, tem que preencher a mão o valor.

      Excluir
    4. Pode simplesmente acrescentar o valor da multa na próxima guia de pagamento no valor Total a pagar do INSS? Se não, tem pagar a guia preenchida à mão em lotéricas?

      Excluir
    5. Renata
      Pode, depois tem que agendar um atendimento para pedir o acerto.

      Excluir
  11. Quantos dias de atestado e preciso pra passar pela perícia do auxilio doenca quantos dias e preciso de atestado hoje em dia ?????

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fabrício
      Se é empregado tem que ser mais de 15 dias.

      Excluir
  12. Olá,Minha mãe pagou o inss no valor de 74,58
    Sendo que o valor mudou para 86,68 R$ apartir de janeiro de 2015.
    No mês:
    01/2015
    Até. 06/2015
    Ela pagou 74,58 R$
    Ela vai ter q ir no inss??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Taiza
      Sim, tem que ir e pedir a guia com o valor da diferença, até que o INSS volte a atender deve seguir pagando o valor correto.

      Excluir
  13. Olá Catarino! Venho pagando na data incorreta desde Março de 2015
    Eu pago todo dia 18 quando na verdade deveria pagar no dia 15. Como faço pra calcular os juros/multas?
    Caso que tenha que ir no INSS, a funcionaria domestica foi registrada pelo meu irmão. Eu consigo comparecer no agendamento no lugar dele? Obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Renata
      Se pagou ao menos um mês sem atraso, o primeiro, pode preencher os juros e pagar, se sempre pagou em atraso tem que ir ao INSS, mas tem que ser o próprio empregador.

      Excluir
  14. Ola Catarino Alves Paguei uma GPS domestica com valor maior como posso fazer compensação desse valor para a guia do mês que vem ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Douglas
      Vai ter que pedir a devolução na Receita Federal, não tem como compensar.

      Excluir
  15. Boa noite Catarino,

    Paguei as competências mês 6 e mês 7 nos dias 15 respectivos, em vez do dia 7. A empregada pediu demissão, e não haverá próximo mês para fazer o acerto. Os netbankings não aceitam apenas o pagamento da multa. Como proceder?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rainer
      Tem que ver se as duas diferenças dá mais de 10 e poderá pagar em guia avulsa, terá que pagar em banco usando o número do nit.

      Excluir
  16. Ola Catarino, descobri um erro de pagamento no meu carne: (Facultativo 1406)

    Na competência de:
    01/2014 paguei $ 144,80, em 02/2014 paguei $ 135,60 (valor de 2013) daí em diante foi pago normal $ 144,80 até 12/2014. Em 2015 está tudo certo pago $ 157,60.

    Como calcular os juros devidos desse erro até o dia de hoje 25/08/2015.

    Tenho que ir ao INSS para acertar isso ou posso calcular e pagar via internet bank?
    Como devo proceder
    Desde já obrigada

    ResponderExcluir
  17. Sim, tem que ir ao INSS e pedir o cálculo do valor da diferença

    ResponderExcluir
  18. Prezado Catarino,

    recolhi o INSS do mês de julho/15 com percentual de 8% conforme projeto aprovado no senado, só que quando pesquisei a fundo ainda não tinha mudado dos 12% para os 8% do empregador. Paguei tudo dentro do prazo mas a menor Já paguei a guia referente ao mês de agosto corretamente, ou seja com os 12%, Dai para corrigir meu erro fiz uma guia complementar do mês que recolhi a menos (07), mas o banco não aceitou e disse que o mês está vencido.
    Como faço?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Silvana
      Deve incluir a diferença no prôximo mês e depois ir ao INSS e pedir o acerto

      Excluir
  19. Eu paguei desde janeiro, com o valor do salario minimo de 2014 e sempre dia 15, até hoje. Como faço pra emitir a guia com essas diferenças? Eu uso um site que calcula os valores pra mim, então não tem como preencher. O que devo fazer? Este é o site que uso : http://www3.dataprev.gov.br/cws/contexto/captchar/index_cipost2.html
    Obrigada, desde já!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Priscilla
      Não tem como emitir a guia, terá que ir ao INSS e pedir o cálculo do valor devido.

      Excluir
  20. Olá Catarino.
    Muito bom o seu site!
    veja a minha situação (só fui descobrir hoje que o novo prazo de recolhimento mudou para o dia 07).
    O valor do INSS da minha empregada doméstica é de R$ 200,00.
    A competência 06/2015 venceu em 07/07/2015, mas recolhi R$ 200,00 em 13/07.
    A competência 07/2015 venceu em 07/08/2015, mas recolhi R$ 200,00 em 17/08.

    Entrei no site da Previdência e gerei o cálculo para recolhimento destas competências em 08/09/2015.
    Os valores corrigidos foram de R$ 244,22 e R$ 221,80.
    Considerando que já paguei R$ 200 de cada uma dessas competências, eu quero recolher agora apenas a multa e os juros.
    Para isso, seria correto eu preencher manualmente duas GPS, uma para cada competência, 06/2015 e 07/2015, com código 1600 (empregado doméstico), e lançar apenas no campo ATM/Multa e Juros, respectivamente, R$ 44,22 e R$ 21,80 ?

    Ou junto essas correções ao recolhimento que farei agora da competência de agosto? Seriam 200 + 44,22 + 22,80.

    Agradeço pela sua atenção!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eudy
      Se pagou dia 15 o que vencia em 07 não sei se o valor que calculou não esta muito acima do valor real, mas se tem certeza pode pagar em guia a parte ou incluir no próximo, porém a melhor opção é esperar o fim da greve e ir ao INSS e pedir o cálculo. Veja que os juros e multa são devidos somente de 7 a 15.

      Excluir

Deixe seu comentário sobre o blog, caso queira tirar uma dúvida use o Fórum do Consultor, é só clicar na link abaixo:
Fórum do Consultor

Postagens populares