QUERO DOAR R$ 10,00
by

Tabela de Contribuição ao INSS para 2011.

Tabela de Contribuição ao INSS para 2011.


A Previdência Social do Brasil publicou em 31.12.2010 a Portaria 568 estabelecendo os novos valores para retenção da contribuição previdenciária.

A tabela acima vale para os contribuintes empregados, empregados domésticos e trabalhadores avulsos (são os contribuintes que prestam serviço por meio de cooperativas ou sindicatos prestadores de serviços terceirizados).


Salário-de-contribuição (R$) – Alíquota para fins de recolhimento


Até R$ 1.106,90                                       8%
De R$ 1.106,91 a R$ 1.844,83                    9%
De R$ 1.844,84 a R$ 3.689,66                   11%   


Veja a tabela 2012 neste Artigo

Caso tenha alguma dúvida use o Fórum do Consultor e faça sua pergunta.
Saiba mais sobre os benefícios do INSS no site: BENEFÍCIOS DA PREVIDÊNCIA

12 comentários :

Anônimo disse...

catarino,
saudações,
me chamo sonia e tenho o esposo em auxilio doença desde 2005 cid f20.5 esquizofrenia, ele trabalhou na area grafica desde 1978, durante este periodo sem melhora de saude ele chegou a receber alta, recorremos atraves de pr e nova entrada e continuamos como deferido ate setembro 2010, a pericia de pp foi somente feita em dezembro 2010, o perito o avaliou e concedeu o beneficio e disse que iria solicitar a chefia um tempo maior e que seriamos informado por carta da nova data, recebemos no meio de janeiro 2010 uma carta da agencia da previdencia onde ele fez a pericia, um comunicado para comparecer munido de todos os laudos, exames complementares e documentos na area do SST para nova pericia
a ultima pericia não foi valida? e possivel que ele seja aposentado? tenho que marcar nova consulta com o psquiatra e buscar novo laudo? ou o laudo que foi entregue em dezembro ja e suficiente, ele ficou com o perito
sou grata pela paciencia e determinação em ajudar

muito obrigada

Catarino disse...

Você não é obrigada a apresentar novos exames e atestados, mas se for possível é bom levar atualizado.
A perícia será feita para confirmar, ou não, a indicação feita pelo perito. Provavelmente ele será examinado por uma junta médica.

Anônimo disse...

catarino
saudações
sou a sonia, sou grata pela resposta rapida
como faço para contribuir com o blog
pela sua experiencia e possivel que meu esposo seja aposentado? ja separei todas as receitas medicas desde 2005,formularios do hospital municipal que fornece o medicamento controlado, prontuario medico, e todos os laudos, para a pericia no sst, o medico psiquiatra pode solicitar a aposentadoria
grata novamente

Catarino disse...

Sonia
Em matéria médica não há como opinar. O médico indicar a aposentadoria não irá influenciar a decisão dos peritos, o que vale é avaliação deles e os exames apresentados.
Para fazer uma doação é só clicar no banner DOAR COM PAGSEGURO e escolher a forma, pode ser com cartão, boleto ou transferência bancária.

Eduardo disse...

Olá, sou prestador de serviço autônomo, presto serviço pro governo tanto no âmbito municipal como estadual, recebo valores variados de 700 reais a 3000 reais, queria saber se esta tabela disponibilizada pela previdência é vigente para o meu ambiente, pois o o governo estadual está recolhendo 11% do valor de 700 reais de uns serviços que prestei este ano, enquanto de acordo com a tabela era pra ser recolhido apenas 8%.

Catarino disse...

Eduardo
Leia o artigo, nele falo que a tabela só vale para o empregado. O prestador paga sempre 11%.

Maria do Socorro disse...

Olá Catarino!
como faço para complementar o valor que o empregador paga de INSS. Eu gostaria de contribuir mais do que o minimo para pode ter uma boa média. posso pagar como contribuinte individual mesmo a empresa pagando para mim?
Obrigada

Catarino disse...

Maria
Em tese pode, mas é preciso que pague por muitos anos, se for em alguns anos não vale a pena. Leia o artigo: http://www.aposentadorias.net/2010/05/multipla-atividade-e-renda-dos.html

raul leal disse...

ola! catarino trabalho 10anos em uma empresa e estou de beneficio a um ano e meio;a empresa está sendo vendida,gostaria de saber como fica a minha situação com a empresa e o inss ?

Catarino disse...

Raul
Enquanto estiver em benefício não acontece nada, quando voltar é que a nova empresa poderá tomar alguma medida.

Alisson disse...

Tenho filho com 14 anos de idade, posso começar a contribuir inss para ele? Você acha que vale a pena?

Consultor em Previdência disse...

Alisson
Não pode, a idade mínima é 16 anos.