by

O Auxilio Acidente na Previdência Social.

O Auxilio Acidente na Previdência Social.


Benefício pago ao trabalhador que sofre um acidente e fica com sequelas que reduzem sua capacidade de trabalho. É concedido para segurados que recebiam auxílio-doença. Têm direito ao auxílio-acidente o trabalhador empregado, o trabalhador avulso e o segurador especial. Saiba que tipos de sequelas dão direito ao benefício lendo este artigo: O que dá direito ao auxílio-acidente no INSS.

O empregado doméstico, o contribuinte individual e o facultativo não recebem o benefício de auxílio-acidente, estas categorias não estão incluídas na lei que prevê a concessão do benefício.

Para concessão do auxílio-acidente não é exigido tempo mínimo de contribuição, mas o trabalhador deve ter qualidade de segurado e comprovar a impossibilidade de continuar desempenhando suas atividades, por meio de exame da perícia médica da Previdência Social.

O auxílio-acidente, por ter caráter de indenização, pode ser acumulado com outros benefícios pagos pela Previdência Social exceto aposentadoria. O benefício deixa de ser pago quando o trabalhador se aposenta. Se o segurado retornar ao benefício de auxílio-doença por agravamento da mesma incapacidade de deu causa ao auxilio-acidente terá o benefício suspenso enquanto estiver recebendo as parcelas do auxílio-doença.

O benefício de auxílio-acidente tem o pagamento iniciado a partir do dia seguinte em que cessa o auxílio-doença.

Valor da renda mensal do benefício será corresponde a 50% do salário de benefício que deu origem ao auxílio-doença corrigido até o mês anterior ao do início do auxílio-acidente.

O segurado em auxílio-acidente tem o valor adicionado às suas contribuições quando for requerer aposentadoria e no caso do trabalhador rural, segurado especial, que se aposenta com um salário-mínimo se estiver recebendo o auxílio-acidente terá renda mensal de um salário-mínimo e meio quando da aposentadoria.

Muitas pessoas confundem auxílio-acidente, descrito acima, com auxílio-doença por acidente. São benefícios diferentes e o auxílio-doença por acidente dá origem ao auxílio-acidente. Quem recebe auxílio-acidente pode trabalhar normalmente e quem recebe auxílio-doença tem que respeitar repouso enquanto está em benefício.

Saiba mais sobre os benefícios do INSS no site: BENEFÍCIOS DA PREVIDÊNCIA

10 comentários :

  1. Olá, eu gostaria de saber se quem recebe auxílio acidente e fica anos sem contribuir com a previdência, pode se aposentar por invalidez comprovando a doença de incapacidade?
    Por favor, envie uma resposta para: tosabendo@r7.com

    Toni

    ResponderExcluir
  2. Antonio
    Se não contribui não terá carência e por isso não terá direito a aposentadoria por invalidez, que é sempre precedida do auxílio-doença.
    O auxílio-acidente mantém a qualidade para aposentadoria por idade ou por tempo.

    ResponderExcluir
  3. estou afastado por acidente do trabalho cod-91 ete tempo eu perco para minha aposentadoria ou nao.

    ResponderExcluir
  4. O tempo em benefício conta para a aposentadoria sim.

    ResponderExcluir
  5. SR. Catarino
    EStou a 1 ano e 8 meses recebendo auxilio por acidente de trabalho, fiquei com sequela, impossibilitada de exercer a função de professora,vou voltar a trabalhar agora em novembro com certeza readaptada. Conclusão gostaria de saber se há uma lei que beneficia o trabalhador por um determinado tempo pelo inss, para compensar a perda de ganhos financeiros? obrigada.

    ResponderExcluir
  6. Veja o artigo, nele tento explicar sobre o benefício para quem teve redução da capacidade.

    ResponderExcluir
  7. SR. Catarino
    fui levantar um cilindro metalico no trabalho ele pesa mais de 80 kg, derrepente cai com ele em cima da minha mao, tive ruptura dos tendoes do dedo anelar eskerdo , passei por cirurgia e to com o dedo sem exticar ele fica sempre curvo sera que issuseria o bastante pra eu entrar no auxilio acidente??? desde ja grato pela atenção!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sei responder por tratar-se de matéria médica. Só a perícia do inss pode responder.

      Excluir
  8. boa tarde, meu esposo pagou 8 anos de contribuição de 1996 a 2006...mas de 2006 para 2014 ele parou de pagar...mas ele quer dar entrada na pericia pq ele teve um acidente de moto q quebrou a perna e amassou duas vertebras da coluna e sempre vivi tomando injeção pq sente muita dor na coluna se ele alevantar peço ou dar um mal jeito ele vai parar no hospital, de tanta dor na coluna e fica entrevado na cama, sem poder trabalhar de tanta dor. e foi assaltado e levou vários tiros no braço que ele não pode levantar peço...e queremos por os anos atrasados em dias para poder da entrada nos papeis ! sera que ele tem direito de receber algum beneficio?grata

    ResponderExcluir
  9. Sueli
    Por ter ficado sem contribuir ele perdeu o vínculo com a Previdência, agora não é mais segurado e, por isso, não tem direito e pagar atrasados será só dinheiro perdido.

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário sobre o blog, caso queira tirar uma dúvida use o Fórum do Consultor, é só clicar na link abaixo:
Fórum do Consultor

Postagens populares